Publicidade

Aumento de 50% nas denúncias de violência nas escolas em 2023

Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania revela preocupante crescimento no número de ocorrências

03/11/2023 às 19h46
Por: Portal Click83 Fonte: Click83 com informações da Agência Brasil
Compartilhe:
- Foto: Paulo Pinto/Agência Brasil
- Foto: Paulo Pinto/Agência Brasil

Brasília, 3 de novembro de 2023 - O Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (MDHC) divulgou recentemente estatísticas alarmantes que apontam um aumento de 50% nas denúncias de violência nas escolas brasileiras ao longo de 2023. Entre janeiro e setembro deste ano, foram registrados 9.530 chamados por meio do Disque 100, em comparação com pouco mais de 6,3 mil no mesmo período de 2022.

Continua após a publicidade
Anúncio

As denúncias abrangem uma ampla gama de violações de direitos, incluindo casos de violência contra professores, discriminação, injúria racial, racismo, liberdade, integridade física e psíquica, e direito à vida. O ministro Silvio Almeida enfatizou a importância de proteger o direito e a liberdade de ensino dos professores, afirmando que "nenhuma forma de perseguição será tolerada".

As regiões mais afetadas por esse preocupante aumento nas denúncias são São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Das 9.530 denúncias recebidas, mais de 1,2 mil estão relacionadas a casos em que professores foram vítimas. Além disso, 74% das denúncias envolvem violações de direitos contra crianças e adolescentes, revelando a vulnerabilidade desse grupo.

Continua após a publicidade

O levantamento do Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania destaca que as principais formas de violência no ambiente educacional são de natureza emocional, abrangendo constrangimento, tortura psíquica, ameaças, bullying e injúria.

Para lidar com essa situação alarmante, o Disque 100, um canal de denúncias sob a responsabilidade da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos do ministério, continua a desempenhar um papel fundamental. O serviço gratuito pode ser acessado por meio de ligação gratuita, dos aplicativos WhatsApp e Telegram ou do próprio site da ouvidoria e do aplicativo Direitos Humanos Brasil, com a garantia de anonimato para os denunciantes.

O aumento acentuado nas denúncias de violência nas escolas em 2023 destaca a necessidade urgente de ações efetivas para proteger os direitos dos educadores e alunos, bem como para promover um ambiente educacional seguro e inclusivo em todo o país.

Continua após a publicidade
Lenium - Criar site de notícias